O caminho de Jesus e os Atalhos da Igreja - Eugene Peterson

Créditos: Alex Bruno
Definitivamente, O caminho de Jesus e os atalhos da igreja não é uma obra para ser consumida com avidez despretensiosa. O texto de Eugene Peterson tem de ser saboreado pouco a pouco, de modo a ganhar significado e relevância. Há, contudo, um senso de urgência que não pode ser negligenciado: estamos muito distantes do padrão bíblico de santidade, até mesmo porque ser santo não está na moda. Como que numa conversa tête-à-tête, Peterson explica o significado da metáfora caminho (muito mais que uma “estrada para Céu”), e suas diferentes implicações na construção de um estilo de vida cristocêntrico, ao revelar como Abraão, Moisés, Davi, Elias e Isaías ajudaram a preparar o caminho de Jesus. A amplitude de significados se descortina à medida que Peterson nos auxilia na interação com o texto bíblico, traduzindo em sua totalidade o real significado de "caminho". Neste ponto, seguir a Jesus é muito mais que adotar um manual de boas maneiras com direito a passaporte para a vida eterna. Transformou-se na construção de um estilo de vida fundamentado nos valores do Reino, e livre da influência conceitual de certo e errado imposta pela sociedade contemporânea.

Contas Premium
Compartilhe Este Livro :
 

Copyright © 2012 - 2017. Gospel Book - Resenha de Livros Evangélicos - Website: Equipe Gospel Book - Todos os Direitos Reservados.